Minha empresa foi processada. E agora?

Sua empresa está sendo processada? Não sabe o que fazer?

É muito comum encontrarmos casos onde empresas acabam sendo processadas por um cliente, funcionário ou até mesmo concorrente. Porém, ainda sim encontramos empreendedores que não sabem quais decisões tomar após ser processado.

Com isso trazemos no post de hoje algumas dicas do que é preciso fazer quando acontecer com sua empresa. Confira!imagem ilustrativa: minha empresa foi processada, o que devo fazer?imagem ilustrativa: minha empresa foi processada, o que devo fazer?

Como saber se minha empresa está sendo processada?

Muitas vezes ouvirmos ameaças de possíveis processos, mas como podemos saber se realmente estamos sendo processados?

No geral existem várias formas de descobrir se você está sendo processado, a mais comum delas é o comunicado oficial do Poder Judiciário. Porém se não quiser esperar esse comunicado existe a opção de fazer a consulta através da internet.

Nesse caso basta acessar o site dos tribunais, e fazer a consulta pelo CPF ou CNPJ da sua empresa,

Caso tenha recebido o comunicado, você ainda pode averiguar o andamento do processo pela internet, mas para ter acesso a todo teor do processo é necessário a contratação de um advogado que é o profissional apto e autorizado pela lei a representa-lo em qualquer processo judicial.

Minha empresa está sendo processada. O que devo fazer?

imagem ilustrativa: minha empresa foi processada,

 

Caso sua empresa esteja sendo processada, independentemente se você acredita estar certo ou errado, o melhor a se fazer é contratar um advogado. Afinal, você precisará de alguém para lhe representar junto aos Tribunais.

Lembre-se, mesmo você estando certo ou errado, é preciso manter o advogado o mais informado possível sobre os motivos do processo. O objetivo dele é te garantir uma boa defesa, informações omitidas pode gerar surpresas e acabar prejudicando a confecção da defesa de sua empresa.

Juntos vocês vão conversar sobre tudo que ocorreu, o advogado irá avaliar todas as informações do processo e as passadas por você e a partir disso traçar a melhor defesa a ser feita, dentro do que a legislação possibilita, ainda será avaliado, se for o caso, a possibilidade de acordo. Tudo deverá ser muito bem planejado.

Como contratar um advogado para cuidar do processo da minha empresa?

Se sua empresa está sendo processado, o melhor a se fazer é entrar em contato com um o profissional especializado em assessoria jurídica para empresas.

Realizar pesquisa de profissionais e buscar indicações também é uma boa forma de encontrar o advogado que atenderá suas empresas.

Vale lembrar que não basta apenas contratar o profissional, você também vai precisar passar um tempo com ele, ou seja, tem que ser alguém com que tenha fácil comunicação. Deste modo identifique não só o profissional qualificado, mais aquele que conhece do seu negócio e está conectado com a linguagem do seu negocio para que a comunicação possa fluir.

Tenha cuidado com sua atitudes

imagem ilustrativa: minha empresa foi processada,
Quando uma empresa é processada, surgem muitas dúvidas sobre o que deve ou não fazer, porém vale lembrar que tudo deve ser muito bem pensado. O recomendado é que não tome nenhuma atitude sem o aconselhamento do seu advogado.

Muitas das vezes em momentos de nervosismo acabamos tomamos atitudes que podem nos prejudicar no futuro, e quando falamos em processos judiciais, pequenos detalhes podem causar grandes problemas.

Então se você tem alguma dúvida em relação ao seu processo, o melhor é esclarecê-la antes de fazer qualquer coisa, afinal quanto mais esclarecimentos e informações obtiver melhor.

Quanto custa um advogado?

O maior medo das pessoas quando falamos em processos judiciais é em relação aos custos com o advogado, mas infelizmente se está sendo processado, não há outra opção, você vai precisar de um.

Porém vale lembrar que existe diversos profissionais e cada um com um valor, por regra existe a tabela da OAB como diretriz para a cobrança dos honorários, entretanto como dito ela é apenas uma diretriz, tendo o profissional liberdade de negociar seus valores desde que não estejam abaixo da tabela do seu estado.

O valor dependerá muito da complexidade do processo e de todo trabalho que ele possa demandar.

Já é de consenso que empresas que contam com uma assessoria jurídica constante não precisam desembolsar valores para advogados assim de surpresa, pois uma assessoria além de reduzir o número de ações judiciais muitas vezes tem contratos que já incluem a representação em processos que venham surgir durante a vigência da assessoria.

Deste modo a empresa já se encontra resguardada, não precisando retirar repentinamente de seu caixa valores para apresentarem uma defesa.

Importante ressaltar que o advogado é o único profissional habilitado e autorizado a representar qualquer individuo em um processo judicial, mas sua atuação não se limita apenas ao ambiente dos tribunais, ele também é capacidade em representar seus clientes em seu interesse extrajudiciais.

Se sua empresa recebeu um processo não se desespere busque imediatamente o auxilio de um profissional, recomendamos ainda a leitura do nosso artigo Toda empresa precisa de um advogado? para que você possa identificar se sua empresa precisa desse profissional.

Se ainda ficou dúvidas deixe seu comentário e siga nossas redes sociais (facebook e instagram) sempre apresentamos conteúdo esclarecendo dúvidas e trazendo informações importantes para sua empresa.

2018-10-15T12:42:42+00:00